No dia a dia do varejista alguns problemas de gestão impedem que ele consiga extrair o melhor de todos os processos da sua loja, impedindo assim que ele tenha os melhores resultados para seu negócio. Dessa forma, entre os motivos para utilizar um software ERP na sua loja, está a melhoria operacional do seu negócio.

O varejo tem uma particularidade quando se fala em software ERP ou sistema de gestão: o ponto de venda. Principalmente no Brasil, onde o checkout está relacionado com algumas soluções fiscais, o varejista deve ficar atento.

Portanto, sempre que o assunto for software ERP para o varejo, lembre-se do ponto de venda.

Convivemos com o varejo todos os dias e vamos elencar os principais problemas de gestão que o varejista consegue resolver contando com um bom software ERP.

4 problemas de gestão resolvidos com a ajuda de um software ERP:

 

1. Dificuldade em vender e atender o cliente com rapidez e segurança

O dinheiro entra pelo checkout da loja, portanto, temos que começar daqui. Com automação comercial, que nada mais é do que a utilização de equipamentos e softwares para automatizar, principalmente, o processo de venda, o varejista consegue grandes vantagens. Primeiro atendendo o cliente com eficiência e rapidez, segundo com segurança e amparado em todas questões legais.

Utilizando um software ERP, o varejista conseguirá aumentar a qualidade do atendimento oferecido ao cliente, pois evitará filas e outros atritos gerados por falhas operacionais.

2. Problemas com a legislação

O Brasil é um dos países mais burocráticos e complexos do ponto de vista tributário e fiscal. Para completar, também somos os mais modernos nesses quesitos, isso significa que essas operações estão cada vez mais digitais e sob controle do Estado.

Realizar a apuração de impostos a pagar, gerenciar as regras tributários do cadastro de produtos, enviar as obrigações acessórias (como o SPED) é praticamente impossível sem o apoio de um bom software de gestão.

E não adianta ter apenas um bom software ERP, ele deve ser focado no segmento varejista, pois as particularidades são muitas.

3. Controle de estoque errado

O controle de estoque é um grande desafio para o varejista, isso porque o problema é físico, isto é, ocorre em qualquer momento da loja. Se estivermos falando sobre supermercados ou padarias, esse desafio é ainda maior, pois lidamos com produtos perecíveis, em grandes quantidades e fracionados.

Por que é tão importante controlar o estoque? O negócio do varejista é vender mercadorias! O controle de estoque está no coração de todas as operações do varejista.

Com o estoque confiável no sistema, a equipe da loja pode melhorar uma série de processos, principalmente o processo de compras.

4. Melhores Decisões, melhor gestão

Com controle dos processos operacionais, segurança fiscal, controle de estoque, informações centralizadas e organizadas, será bem mais fácil tomar melhores decisões.

Quando falamos em decisões, não são apenas as estratégicas, mas também as operacionais do dia a dia. Por exemplo, com informações precisas sobre perdas em determinada categoria de produto, é possível orientar melhor os funcionários responsáveis e acompanhar sua evolução.

Os problemas de gestão complicam a vida do varejista

Esses problemas de gestão acumulados podem complicar a vida do varejista, eles são responsáveis por agravar alguns erros que prejudicam as finanças e a operação da loja. Um software ERP é a solução para acabar com esses problemas, pois só assim será possível conhecer essas falhas operacionais e criar ações para impedir que aconteçam.





Fonte: https://www.infovarejo.com.br/software-erp-problemas-de-gestao/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *